Nós Indicamos


4 fatores surpreendentes na Oratória inspiradora


A Oratória é a arte do discurso em tempo real com a finalidade de atingir o público, seja ele pequeno ou grande. Na antiguidade, esse termo era muito utilizado para conseguir convencer as pessoas.

Hitler é um exemplo de orador que utilizava a Oratória para conseguir seus objetivos políticos. Era considerado um dos melhores comunicadores da humanidade, porém, hoje, essa realidade é outra. Talvez ele não conseguisse persuadir as pessoas pela sua forma de comunicação, atualmente, considerada agressiva.

Na era tecnológica, as pessoas buscam excelência na comunicação por meio de sua expressividade e competências, atingindo seu objetivo de forma clara, objetiva e direta. Mas, afinal o que realmente surpreende na Oratória? A seguir, listarei alguns dos quatro fatores que considero primordiais nessa arte.

1º fator: escuta ativa

Hoje, é considerada uma boa comunicadora a pessoa que consegue decifrar e interpretar seu interlocutor e, consequentemente, criar argumentos em seu discurso, de acordo com a expectativa do ouvinte. Esse fator é chamado de escuta ativa.

2º fator: evitar julgamentos

O comunicador deve despir-se do julgamento. Quando ele julga enviar mensagens para o cérebro, o mesmo demonstra por meio de sua expressividade. Um exemplo desse fator: você chega para ministrar uma palestra para 200 pessoas, quando na verdade há 450. Automaticamente, neste momento as pessoas podem perceber sua reação de espanto, pois sua expressividade irá demonstrar.

3º fator: utilizar sua expressividade.

A expressividade é a junção dos três recursos: verbais, vocais e não verbais.

O recurso verbal é a forma de utilização do vocabulário, as escolhas das palavras que devem ser selecionadas conforme a experiência de vida das pessoas que irão lhe ouvir.

O recurso vocal são formas e maneiras de utilização e variação da voz, como por exemplo a frequência da voz, intensidade, articulação, entoação etc.

O recurso não verbal é forma de comunicação que não apresenta a fala, como por exemplo a atitude de uma pessoa perante a uma determinada situação, ou também a forma como ela utiliza seus gestos, vestimentas, expressão facial e corporal.

4º fator: potencializar as competências por meio do Coaching Communication® (metodologia exclusiva Cristiane Romano)

O termo Coaching é de origem inglesa, entretanto possui várias origens (Francesa – Coche, Alemão arcaico – Kotsche, Holandesa e Sul Africana – Koets eHúngara – Kocsi).

No século XV, no condado de Komárom - Esztergom, localizado na cidade de Kocsna Hungria, eram produzidas as melhores carruagens, chamadas de kocsiszeke, que ofereciam conforto no transporte de pessoas por possuírem suspensão com molas de aço. E, hoje, utilizado no meio organizacional como forma de levar o profissional ao seu objetivo, sendo organizacional ou pessoal.

O Coaching Communication® é a metodologia que levará aos resultados, tendo como base as competências necessárias para se chegar ao seu resultado ao se falar em público ou se comunicar de forma interpessoal. Para isso, os potenciais e possibilidades que as pessoas apresentam dentro de si devem ser sempre levados em conta. O coach que é o profissional que conduz o processo de coaching ajudará e auxiliará as pessoas a chegarem ao seu objetivo por meio dessa ferramenta.

Acredite no seu potencial interno e utilize os segredos que surpreendem e você conseguirá alcançar seus objetivos comunicativos.

Comunique-se!

______________________
 
Autora: Cristiane Romano - Professora do curso “Apresentação de Alto Impacto e Oratória Inspiradora” do Instituto de Pós-Graduação e Graduação (IPOG). Mestre e doutoranda em Ciências pela USP, é autora da metodologia exclusiva Coaching Communication®.
Fonte e foto: Assessoria de Imprensa IPOG
4 fatores surpreendentes na Oratória inspiradora 4 fatores surpreendentes na Oratória inspiradora Reviewed by Empresas S/A on 06:30 Rating: 5

Nenhum comentário: