Nós Indicamos


Mulheres quitam dívidas mais depressa que os homens


As mulheres brasileiras são mais consumistas e se endividam mais que os homens. Mas, na hora de se livrar das dívidas contraídas, elas também saem na frente e são mais apressadas do que eles, aponta uma pesquisa da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas.

As principais razões que levam os consumidores à situação de inadimplência, segundo o levantamento, são a perda do emprego ou o descontrole financeiro.

Mas, sair dessa condição leva bastante tempo. Segundo o advogado especialista em recuperação de ativos, Luiz Felizardo Barroso, diretor da Cobrart Gestão de Ativos, é preciso disciplina para sair do endividamento e frear o consumo.

Segundo o SPC (Serviço de Proteção ao Crédito), do total de brasileiros com o “nome sujo” 33,31% demoram mais de um ano para se livrar da dívida. Outros 15,14% disseram levar até dois anos para quitar as contas em atraso, e 6,53%, até três anos. Os dados mostram que as mulheres se endividam mais. Elas foram responsáveis por 55,99% das inclusões no cadastro de devedores, enquanto os homens responderam por 44,01%.

Entretanto, o sexo feminino também foi responsável pelo maior número de registros cancelados, o que acontece depois de regularizado o débito, com 54,66%, contra 45,34% deles.

Por isso, especialistas em finanças como o administrador de empresas Omar Malheiro, diretor da Atn Capital, empresa de recuperação de recebíveis, alertam sobre a necessidade de cautela na hora das compras.

“É preciso ter cuidado com as taxas de juros. Prorrogar o pagamento das dívidas custa caro para o consumidor. O ideal é negociar o que se deve para tentar sair da inadimplência”, analisa.

Cobrart - Gestão de Ativos – Av. Rio Branco, 147, 20º andar – Centro - Rio de Janeiro/RJ – CEP 20040-006 – Tel.: (21) 2157-0773. Funcionamento: segunda a sexta de 9h às 18h. www.cobrart.com

Matéria enviada por:
Mulheres quitam dívidas mais depressa que os homens Mulheres quitam dívidas mais depressa que os homens Reviewed by Empresas S/A on 09:24 Rating: 5

Nenhum comentário: