Nós Indicamos


Detalhes podem fazer diferença na hora de abrir uma empresa


Mais que uma boa ideia, abrir um novo negócio requer planejamento. E o tema que parece batido de tantas vezes que já foi falado continua merecendo atenção. Segundo dados do Sebrae, um terço das empresas não sobrevive ao primeiro ano de vida e um dos principais motivos ainda é a falta de planejamento.

Detalhes meramente técnicos, desde a abertura da empresa, podem fazer total diferença se for feita a escolha mais adequada. O primeiro passo ao abrir uma empresa é fazer o contrato social, que está relacionado ao funcionamento da empresa, como a atividade a ser exercida. “Ao fazer o contrato social, é preciso ter certeza dos termos específicos, pois para alterações contratuais implicam em refazer as inscrições municipais, estaduais e federais”, ressalta Simone Domingues, contadora do Grupo Virtual Office/Trade.

Os regimes de tributação também precisam ser estudados caso a caso. De acordo com o lucro da empresa optar por Simples, Lucro Presumido ou Lucro Real pode tornar o imposto a ser pago mais caro ou mais barato. “Mas como não há histórico, é preciso prever a margem de lucro mais próxima possível, e isso requer um planejamento efetivo e detalhado”, ressalta Simone. Já no planejamento é importante constar todos os gastos com a abertura da empresa, desde a estrutura física até as taxas e documentações necessárias para torná-la legal. Um detalhe que deve estar especificado também é o pró-labore, ou seja, o salário dos sócios.

Mas o planejamento e o contrato social são só as primeiras etapas deste processo. Com o contrato em mãos, o próximo passo será dar entrada no registro legal na Junta Comercial do estado ou no Cartório de Registro de Pessoa Jurídica. “A partir deste momento, a empresa passa a existir legalmente, mas ainda não está apta a abrir as portas”, lembra a contadora.

Registrada, a empresa receberá o Número de Identificação do Registro da Empresa (NIRE), que será essencial para obter o CNPJ, que deve ser solicitado no site da Receita Federal. Na maioria dos estados, a Inscrição Estadual pode ser obtida junto com o CNPJ no mesmo cadastro realizado na Receita Federal. A próxima etapa será solicitar o Alvará de Funcionamento. E o empreendedor precisa ainda cadastrar a empresa na Previdência Social, independente se possui funcionários ou não. Para finalizar, será necessário solicitar a autorização de notas fiscais na Prefeitura Municipal. Realizada todas as etapas, é hora de empreender, abrir as portas e colocar em prática o plano de negócio.

Para tirar todas as dúvidas e dar dicas importantes para abrir uma empresa, o Grupo Virtual Office promove no dia 22 de novembro, das 9h às 22h, a Sessão Coruja, um plantão empresarial gratuito. Os novos empreendedores receberam atendimento personalizado por contadores e poderão ainda participar de uma palestra sobre empreendedorismo com Pedro Lúcio da Planeto, também no dia 19, às 19h.

As inscrições para as rodadas de orientações e as consultas individuais devem ser pré-agendadas pelos telefones 0800-559-533 ou(11) 3040-3040 ou pelo e-mail voweb@virtualoffice.com.br.

Sessão Coruja Empresarial
Quando: 22/11
Horário: das 9h até 22h
Local: Unidade Itaim –Rua Dr. Guilherme Bannitz, 126, 2º andar – Itaim Bibi
Telefones: (11) 3040-3040
e-mail voweb@virtualoffice.com.br
Palestra
Quando: 22/11
Horário: 19h

Fonte: Contato Comunicação & Marketing
Detalhes podem fazer diferença na hora de abrir uma empresa Detalhes podem fazer diferença na hora de abrir uma empresa Reviewed by Empresas S/A on 09:30 Rating: 5

Nenhum comentário: